Por meio da concessionária Aeroportos Paulistas, Socicam inicia gestão de 11 terminais no interior de São Paulo

A Socicam, por meio da concessionária Aeroportos Paulistas (ASP), estabelecida em parceria com a empresa Dix Empreendimentos, assumiu no fim de março a gestão dos 11 aeroportos que compõem o Bloco Noroeste de São Paulo, localizados no interior paulista.

Fazem parte do bloco os terminais de São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Araçatuba e Barretos, bem como dos aeródromos de Assis, Dracena, Votuporanga, Penápolis, Tupã, Andradina e Presidente Epitácio.

Desde o início da concessão, a Aeroportos Paulistas (ASP) já investiu R$ 2 milhões em melhorias tecnológicas para os aeroportos, fornecendo redes de internet sem fio de alta velocidade e sem restrições de uso nos aeroportos de Araçatuba, São José do Rio Preto e Presidente Prudente. Em uma aplicação inédita no segmento, foram instalados suportes tecnológicos de Wi-fi 6, que significam mais qualidade de acesso e navegação para todos os usuários.

Com duração de 30 anos, a concessão prevê a entrega de diversas melhorias nos próximos dois anos, incluindo a instalação de novas áreas comerciais nos aeroportos de maior porte, novos equipamentos de segurança e sinalização vertical e horizontal e rearranjo do fluxo de passageiros nos terminais. Nos aeroportos menores, serão realizadas a instalação de novos sistemas de câmeras de segurança, novos acessos de mobilidade e intervenções de segurança nas pistas, entre outros investimentos.

Por meio do CORE – Inteligência Integrada, todos os Centros de Controle Operacionais dos aeroportos serão requalificados e estarão configurados no novo modelo de integração sistêmica e inteligência empregada que irá proporcionar um monitoramento amplo e eficaz das movimentações nos aeroportos e mais agilidade na tomada de decisões em casos de eventos inesperados. (Saiba mais sobre o CORE)

“Com a gestão do Bloco Noroeste, alcançamos um novo patamar em um mercado muito importante para o país. Os aeroportos do interior paulista são um dos principais pólos de geração de receita do agronegócio no Brasil e estão localizados em uma região em que a Socicam tem buscado um maior protagonismo. Com os investimentos nesses terminais, a Socicam também contribui para impulsionar um importante setor da economia brasileira”, afirma Marcelo Bisordi, Diretor da Divisão Aeroportos da Socicam.

Com a concessão dos novos 11 terminais, a Socicam passa a operar 24 aeroportos no país, reafirmando-se como a maior operadora privada de aeroportos do Brasil. A Socicam ainda dispõe de um conjunto de ativos composto por 102 terminais rodoviários e urbanos e quatro terminais marítimos, que atendem mais de 100 milhões de clientes a cada mês.