Os 50 anos da Socicam

O ano de 2022 é um marco especial para a Socicam. Criada em 1972 com o nome inicial de Sociedade Civil Campineira, a Socicam começou a administrar a antiga Rodoviária de Campinas (SP) que, anos depois, em 2008, seria substituída pelo moderno Terminal Multimodal Ramos de Azevedo. Desde sua fundação, a empresa seguiu orientada pelo propósito de melhorar a vida das pessoas. Nessas cinco décadas de caminhada, de uma empresa pequena localizada no interior de São Paulo passamos a ser uma das principais concessionárias do Brasil, atendendo mais de 100 milhões de pessoas por mês em todos os seus empreendimentos localizados em 66 cidades e 15 estados, além de dois países: Brasil e Chile.

A trajetória de desenvolvimento e expansão da Socicam é marcada por inovação, pioneirismo e diversidade.  Desde 1989, ao assumir a concessão pelos terminais rodoviários de São Paulo, tanto o do Tietê, o maior da América Latina, como os de Jabaquara e Barra Funda, até o início da operação em novo segmento em 1997, com os terminais urbanos em São Paulo e a expansão das fronteiras de atuação para a região Nordeste, em 1999, a empresa esteve focada no modal rodoviário. Em 2008, a empresa expande sua atuação no segmento de infraestrutura de mobilidade, chegando ao modal aeroviário como aeroporto de Vitória da Conquista (BA). Neste mesmo ano a Socicam também começa sua atuação internacional, iniciando operações no Chile e no Peru.

Mais que administrar estruturas públicas, a Socicam demonstrou que possui competência para projetar e construir terminais de passageiros eficientes e sustentáveis, já que inaugurou os terminais de Brasília (DF) e Campo Grande (MS) em 2010, que são referência em inovação e sustentabilidade no Brasil. O Terminal Rodoviário de Brasília, em especial, recebeu o selo A de eficiência energética para edifícios, concedido pelo Inmetro.

Em 2016, a Socicam vence o leilão do Governo Federal para administrar o Terminal Marítimo de Salvador, no porto da cidade e, em 2019 chega ao Centro-Oeste, passando a administrar os aeroportos de Cuiabá, Rondonópolis, Sinop e Alta Floresta, o que a consolida como a maior empresa privada administradora de aeroportos do Brasil. Já em 2021, realizamos mais um marco importante. A Socicam conquista as primeiras parcerias público-privadas em terminais urbanos no Brasil, no Recife e em São Paulo, levando o conceito de mobilidade alinhado ao desenvolvimento sustentável para as cidades.

Celebrar 50 anos de história preservando a essência e o propósito da organização não é das tarefas mais fáceis, mas sem sombra de dúvida essa diretriz foi além de motor de desenvolvimento, um guia para a manutenção da integridade da Socicam. Por isso, ao pensar nos próximos 50 anos, a empresa compreende que melhorar a vida das pessoas também significa preservar a vida das próximas gerações. Assim, alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, a Socicam assume o compromisso de atuar a partir dos pilares estratégicos de sustentabilidade, inovação e diversidade e inclusão. Dessa forma, mais que contribuir com setor de mobilidade, a empresa projeta ir além das fronteiras dos seus negócios, impactando toda a sociedade de forma positiva

“O compromisso da Socicam é de honrar a nossa história, construindo um futuro melhor. Por isso, mais que conectar pessoas, culturas e lugares, ofertando segurança, facilidades e conveniência às pessoas, a empresa priorizará projetos que tenham potencial de gerar impactos positivos para além dos limites dos seus empreendimentos. Isso significa dizer que, ciente dos desafios impostos a toda a sociedade, a Socicam também empenhará seus esforços para fazer parte da ação transformadora, necessária para garantir um futuro melhor, explica Altair Moreira, Diretor Geral da Socicam.

Confira no vídeo de comemoração dos 50 anos da Socicam um pouco mais sobre seu compromisso de “Honrar a história, construindo um futuro melhor”.

Vídeo: